Kepler 186f: Conheça o planeta que é parecido com a terra


Kepler-186f é um exoplaneta que orbita a anã vermelha Kepler-186. É o primeiro planeta do tamanho semelhante ao da Terra, descoberta em zona habitável de uma estrela. Kepler-186f é o planeta mais externo descoberto pela sonda Kepler NASA (Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço), foi lançado no ano de 2009, que orbita uma estrela-anã vermelha que fica a 500 anos-luz da Terra na constelação Cisne. Kepler-186f faz parte de um sistema de 5 planetas, todos com quase o tamanho da Terra, que no entanto, estão perto demais de suas estrelas para possibilitar a vida. O Kepler-186f possui um raio de 1,1 vezes o raio terrestre e um período orbital de 129,9 dias.


A única propriedade física diretamente retirada de observações é a relação entre o raio do planeta á da estrela central, que decorre da quantidade da ocultação da luz estelar durante o ano. Este raio foi para ser 0.021. obtém-se assim um raio planetário de 1.11 mais 0.14 vezes a da terra, tendo em conta a incerteza no diâmetro da estrela e o grau de ocultação. Assim, o planeta é de cerca de 11% maior que o raio da Terra entre 4.5% menor e 26.5% maior dando um volume de cerca de 1.37 vezes da terra.

A sua massa pode se calculada, combinando um raio com densidades derivadas dos tipos possíveis de matéria da qual os planetas podem ser feitas. Por exemplo, pode ser um planeta rochoso terrestre ou uma menor densidade oceânica do planeta com uma atmosfera espessa. O hidrogênio da atmosfera ainda está sendo pesquisado, no entanto, pode ser improvável um planeta com um raio abaixo de 1.5. Os planetas com raios de mais de 1.5 vezes a da terra tendem a acumular as atmosferas espesso que os faria menos provável de ser habitável.

As estimativas variam entre 0.32 pela composição de água e gelo a 3.77 se inteiramente composta de ferro. Para um corpo com uma raio de 1.11, a uma composição semelhante á da terra produz uma massa de 1.44, tendo em conta a maior densidade devido à maior pressão média em comparação á terra.

Copyright © Isto é Curioso . Designed by OddThemes